Fundação Maitreya
 
Qualidade de vida

de Maria

em 08 Jun 2018

  A qualidade de vida passa por se SER e não em se ter. A esta prerrogativa do ter, geralmente está associada a ideia de abundância (financeira) e que permite usufruir de bens materiais. É um direito de cada um ter uma vida estável sobre esse aspecto e todos devem esforçar-se por a obter, mas infelizmente poucos conseguem viver no equilíbrio económico.


No entanto, nem todos aqueles que vivem numa situação financeira confortável se sentem felizes, pois geralmente há carência em alguma coisa, sobretudo, porque a felicidade que tantos anseiam, passa principalmente pelo bem-estar interior. Essa é a verdadeira qualidade de vida; a felicidade interior que brota da consciência espiritual ou amor divino e, que nos coloca na atitude certa perante a vida nos seus desafios.

SER passa pela autoconsciência de que É, e esse É implica autoridade, responsabilidade e liberdade. Confiar em SER ou em si mesmo, dá responsabilidade e independência para tomar as decisões necessárias e, construir pela sublimação interior o seu próprio bem, que depois inevitavelmente se repercutirá nos outros.

A qualidade da vida espiritual designa a qualidade mental, que define por sua vez as acções que se praticam no dia-a-dia e no serviço ao mundo.

A felicidade passa por esta atitude de se sentir responsável por si e na satisfação que dá saber viver no EU SOU. Naturalmente que ao chegar a este estado de Consciência fica para trás um caminho de labor interno na busca da sua identidade e, só essa propriedade de quem SOU, revela que se É, Espírito. Sim, a verdadeira qualidade de vida é a identificação com a Unidade, da qual cada SER como Espírito faz parte.

Só esta identificação dá vida à Vida, percebendo-se estão da grande responsabilidade que cada um tem em se assumir como SER, para que o seu contributo resulte na melhoria de Vida no TODO. O ter, então, esfuma-se no SER…
   


® http://www.fundacaomaitreya.com

Impresso em 15/12/2018 às 20:52

© 2004-2018, Todos os direitos reservados