Fundação Maitreya
 
Concretamente

de Maria

em 04 Set 2018

  A razão pela qual, nem todos os seres humanos acreditam no Divino ou num Criador deve-se às diferenças entre Consciências que, denunciam o grau de evolução espiritual. Pela evolução humana e espiritual desenvolvem-se lentamente mecanismos no cérebro físico, pelos quais se adquire mais inteligência e, em graus cada vez mais elevados, que deixa de haver limitações para conhecer e estabelecer o contacto com Deus, ou Inteligência Cósmica, de forma consciente e racional. Deus não é uma abstracção é uma realidade concretamente vivida.

Poucos seres se preparam para realizar a iluminação, que não é mais do que a luz da clareza mental e da razão e, só esta realidade, pode derrubar as dificuldades à iluminação. É no cérebro, veículo da mente – consciência, que reside a possibilidade de obter uma mentalidade avançada, pois são os esforços pela evolução espiritual – amor e sabedoria - que impulsionam a mais inteligência e, portanto, a maior lucidez mental.

São estes processos mentais, acompanhados de realização espiritual que dão ao ser humano a chave da iluminação. Querer obter a iluminação por processos antinaturais através de estímulos externos, como drogas ou elixires do xamanismo, muito em moda hoje, para alterar a consciência, não são o caminho certo, nem o cérebro está preparado para invasões e, podem sobressair graves problemas como rebentamentos de veias, obstruções mentais graves ou apagamento de memórias, limitando o ser a uma vida vegetativa ou o risco de morte.

Devido ao grau de evolução do homem do qual resulta o seu esquema cerebral, a sua inteligência manifesta-se de acordo com a sua capacidade mental e, esta por vezes, não lhe permite ainda captar certas compreensões correctamente, sejam abstractas ou concretas. Esta é a diferença entre as pessoas; os mais adiantados e os mais atrasados na evolução espiritual. Embora os seres humanos sejam iguais, aparentemente, existe grande dicotomia entre a vanguarda espiritual e os que compõem a maioria da massa humana, ou o homem médio.

O homem tem o seu fundamente como Ego (Consciência) e como esfera de manifestação o corpo causal (níveis etéricos) ponto médio entre o Espírito e a matéria, corpo físico. Este é composto de átomos que estão animados de vida no homem, devido à sua vontade de Ser; todos os átomos vibram de acordo com o grau de evolução e ela vai sendo alcançada de vidas em vidas (reencarnação).

A oportunidade que cada Ser tem em cada vida de progredir espiritualmente, não deve ser desperdiçada sejam quais forem as condições. Quanto mais se fizer pela evolução espiritual, mais responsabilidade se assumirá no contexto da vida humana e Cósmica, constituindo a iluminação um dado adquirido.
   


® http://www.fundacaomaitreya.com

Impresso em 21/9/2018 às 3:35

© 2004-2018, Todos os direitos reservados