Fundação Maitreya
 
O que é benéfico

de Maria

em 19 Abr 2021

  A meta do homem consiste em alcançar a consciência da natureza da Alma, meio pelo qual sempre actua o aspecto mais importante do ser humano que é o Espírito. Só desta forma se pode chegar a ser parte integrante e consciente de tudo o existe e prevalece na manifestação, tornando-se então visível a joia no seu coração ou a luz pura do Espírito. Na verdade, antes de se usar o poder consciente e desinteressado, nada se pode obter, senão for o resultado do genuíno labor interno, onde o poder e a vontade, devem ser usados com sinceridade num propósito superior.


Também não valerá querer apressar a evolução espiritual com impulsos impróprios e práticas para obter poderes, ou ainda consumindo substâncias opiáceas, que perigosas constituem uma ameaça à saúde mental, pois obriga a função cognitiva a acelerar movimentos em áreas, que não estão ainda maduras para certas ligações, sobressaindo lesões cerebrais irreparáveis. Benéfico será, quando esses movimentos dos neurónios sejam naturais, através de uma mutação interna.
De facto, até que tenha chegado o momento de reconhecimento interno e o desenvolvimento da clarividência, da qual a intuição faz parte, divulgar e usar certos impulsos exteriores como substâncias invasivas, ou ainda processos ocultos com a finalidade de obter poderes ou experiências imediatas, não será prudente nem meritório, pois a função cerebral pode sofrer alterações inesperadas.

Benéfico e necessário é, então, desenvolver faculdades internas de forma natural, pela vontade do aperfeiçoamento para corrigir e ajustar o rumo espiritual através da aspiração, do esforço e do fracasso, já que os erros também ajudam a corrigir os desvios, afim de obter gradualmente os resultados do progresso, sem manipulações mentais e astrais. Só mediante o conhecimento (estudo), a prática da meditação e honestidade, então por mérito próprio terá, naturalmente, os poderes inerentes às suas capacidades mentais. Cada ser humano e, porque humano, tem inteligência para pensar, tendo a finalidade de evoluir em cada vida através da autorrealização. Esta realização abarca o propósito do aperfeiçoamento.

Infelizmente aqueles que se habituam ao uso de drogas, arriscam-se a danificar o cérebro e a tornar a sua vida presente inútil, ao quererem obter experiências que classificam de forma errada de espirituais, e que não passam de pura ilusão astral, deixando-os dependentes. Perante tais práticas subversivas, contrárias a todo o esforço pessoal no mérito do aperfeiçoamento, os ensinamentos filosóficos ou religiosos seriam inúteis e obsoletos, pondo em causa a experiência genuína da vivência em Deus. É a evolução gradual no caminho do aperfeiçoamento, que desenvolverá ligações cognitivas cada vez mais concretas, para desenvolver mais inteligência e, os seres inteligentes não precisam de impulsos externos para viver em felicidade. Esta sobressai pela candura de um coração expandido pelo toque divino, naturalmente…
   


® http://www.fundacaomaitreya.com

Impresso em 12/5/2021 às 21:08

© 2004-2021, Todos os direitos reservados