Homepage
Spiritus Site
Início A Fundação Contactos Mapa do Site
Bem-vindo
   Missão
   Agenda
   Notícias
   Loja
   Directório
   Pesquisa
   Marco Histórico §
   Guia de Sânscrito
   NEW: English Texts
Religião e Filosofia
Saúde
Literatura Espiritual
Meditação
Arte
Vários temas
Mosteiro Budista
Dificuldades na leitura? Experimente a versão não acentuada.
pág. 1 de 1
Eis-nos em 2017!

de Maria

em 30 Dez 2016

   Ano após ano, as viagens no tempo implacavelmente direccionadas para o futuro não nos deixam parar no passado, nem fixar no presente fazendo-nos “deslizar” imperceptivelmente na imensidão cósmica. De facto, a vida humana tem como condição indiscutível, a de viajar no tempo sem possibilidade de regresso ao passado e muito menos influenciar os acontecidos já vividos, os quais, só no presente damos conta de que se fosse possível voltar atrás, os conduziríamos de outra forma.
A ciência, bem tenta há décadas encontrar soluções para construir máquinas que permitam viajar no tempo, no sentido de desvendar esses “mistérios” das dimensões temporais.


Há, de facto, uma forma de viajar em dimensões intemporais, mas são de carácter subtil em planos etéricos incompreensíveis à mente comum pela evolução espiritual, ao que vulgarmente se designa por clarividência, onde se pode ver o passado e visualizar o futuro. Contudo, não é possível mudar os acontecimentos, principalmente os do passado como os cientistas tanto gostam de equacionar.
Como diz o célebre místico e matemático Patañjali, pela disciplina e treino espiritual se pode acercar de planos etéricos e adquirir estados superdimensionais, pelos quais, se “vê” para além da obscuridade da matéria.

No entanto, o que é a intuição senão uma mera viagem no tempo? A intuição é uma “espreitadela” no futuro – infelizmente nem sempre quem as tem, acredita no que está a “ver”. A intuição com o desenvolvimento espiritual pode tornar-se lógica e constante como modo de ver o futuro, ou melhor compreender o que vem “aí”. Pode ainda, antecipar a melhor atitude perante determinado acontecimento, ou mesmo evitar algum transtorno se isso depender de decisões pessoais.
As previsões hoje em dia estão numa baixa de credibilidade, quer seja sobre políticas eleitorais, meteorológicas ou catastróficas, quer seja ao nível astrológico, que será difícil acreditar nos futurologistas, pois a imprevisibilidade tornou-se uma característica do nosso tempo. É como se o tempo andasse mais rápido, com menos abrandamento no presente e, portanto, ele escapa-nos.

As influências que recebemos pela órbita do nosso sistema solar regendo os planetas são uma realidade, mas a forma como cada pessoa reage a essas influências fica no campo das possibilidades e também do imprevisível. Pensamos de forma linear e lógica, mas os acontecimentos evoluem por vezes de forma exponencial ultrapassando toda e qualquer previsão.

Assim sendo, resta-me desejar a todos uma boa preparação psíquica, mental e espiritual para enfrentar qualquer adversidade, neste ano de 2017. Que elas sejam o desafio e o impulso para adquirir capacidades cada vez melhores para a vivência plena e harmoniosa, encarando positivamente os acontecimentos de todos os dias com paz no coração.
Bom Ano!
     


topo
questões ao autor sugerir imprimir pesquisa
 
 
Flor de Lótus
Copyright © 2004-2017, Fundação Maitreya ® Todos os direitos reservados.
Consulte os Termos de Utilização do Spiritus Site ®