Homepage
Spiritus Site
Início A Fundação Contactos Mapa do Site
Bem-vindo
   Missão
   Agenda
   Notícias
   Loja
   Directório
   Pesquisa
   Marco Histórico §
   Guia de Sânscrito
   NEW: English Texts
Religião e Filosofia
Saúde
Literatura Espiritual
Meditação
Arte
Vários temas
Mosteiro Budista
Crónicas
  Ordenar por:  
Crónicas 1 - 5 de 212
  [1]  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14  15  16  17  18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30  31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  [Seguinte]
E, já que o País está em quarentena, aproveitemos o melhor possível "esta oportunidade" da época da Páscoa para meditar e orar. Embora haja diferenças entre os calendários do Oriente e o do Ocidente, a Páscoa é geralmente celebrada em toda a parte do mundo na mesma altura do ano. Por ocasião do estabelecimento e estruturação da Religião Cristã, no Concílio de Niceia, no ano 325 A.D., convocado pelos clérigos e chefes Romanos, e presidido pelo Imperador Constantino, ao qual assistiram em maior número bispos do oriente e poucos do ocidente, foi determinado que a celebração da Páscoa Cristã deveria ser sempre solenizada no domingo seguinte ao plenilúnio da Primavera, mantendo-se até hoje.
Data: 26 Mar 2020
Ler  Ler
Hermafrodita de Maria
A necessidade ou dependência sexual dos seres humanos não será perpétua. Esta lei da dualidade dos sexos será um dia anulada pela manifestação superior deste aspecto, quando gradualmente, os seres forem atingindo o estado de andrógino. Naturalmente, que esse aspecto já se vai manifestando nos seres mais adiantados na evolução espiritual, mas infelizmente caem facilmente em ilusões, porque carecem de conhecimento. No caso do homem por exemplo, pode levar algum tempo e ainda na adolescência a perceber a sua natureza sexual de avanço no androginato e pela incompreensão, ignorância e influência dos que ainda não atingiram esse estado, pensar que tem um problema pela falta de estímulo sexual ou pouca atracção pelo sexo oposto, já que devido seu estado de evolutivo, o sexo não tem grande preponderância. Ou seja, o desejo sexual está sublimado e, o seu uso e controlo, passa a ser uma coisa secundária, mas que o torna diferente dos outros.
Data: 17 Mar 2020
Ler  Ler
Há uma questão fundamental que sobressai primeiramente que outras tantas em relação a este tema que poucos equacionam. Se houver uma lei que aprove o suicídio, ou obrigue alguém a matar outrem (neste caso assassínio), porque este pediu para lhe acabar com a vida, onde fica a consciência de cada um destes seres, principalmente de quem mata? Um profissional de saúde, quer médico ou enfermeiro tem como dever ético preservar a vida de um doente, mas em dada altura do percurso desse doente dá-lhe o golpe fatal para morrer. Onde fica a coerência?
Data: 20 Fev 2020
Ler  Ler
Páginas de Reflexão de Ajahn Jayasaro
Ajahn Jayasaro, nasceu na ilha de Wight em Inglaterra, em 1958. Em 1978 juntou-se à comunidade de Ajahn Sumedho para o retiro das chuvas como anagarika, e saiu em Novembro para ir a Wat Pah Pong no noroeste da Tailândia onde se ordenou como noviço no ano seguinte como discípulo de Ajahn Chah, um dos mais renomados mestres de meditação da tradição Theravada da Tailândia. Teve ordenação completa em 1980 com Ajahn Chah como seu preceptor em 1980. Durante muitos anos alternou entre retiros solitários e serviço à sua ordem monástica, até assumir o papel de abade de Wat Pah Nanachat, monastério internacional da linhagem de Ajahn Chah, em 1997, onde permaneceu até ao fim de 2002. Desde então Ajahn Jayasaro tem vivido em um eremitério no sopé da montanha Khao Yai, na Tailândia, ensinando regularmente num centro de meditação próximo. É uma figura central no movimento para integrar princípios do desenvolvimento budista na educação. Possui diversos livros escritos e traduzidos para diversos idiomas, incluindo português.
Data: 07 Fev 2020
Ler  Ler
Contrariando o pensamento dos cépticos, direi que nada está ao acaso, que a vida na esfera terrestre tem um propósito e, que nem tudo o que acontece ao nível do ambiente ou climático é resultante da negligente vivência humana. Deste modo, fica assim ultrapassada a sua culpa, em muitos casos, visto haver ciclos naturais de alinhamento do próprio planeta, causadas pelas mudanças na órbita solar da Terra. Segundo, Mestre Djalkul, instrutor de Alice Bailey, numa obra escrita em 1925, diz que, durante os próximos mil anos produzir-se-ão cataclismos de extensão mundial, serão sacudidos os continentes (terramotos); aparecerão e aparecerão terras o qual culminará num grande desastre material e humano e, isto acompanhará a diluição, da actual raça raiz, a quinta*, para que floresçam as seguintes: sexta e sétima.
Data: 26 Dez 2019
Ler  Ler
registos por página
  [1]  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14  15  16  17  18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30  31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  [Seguinte]
Flor de Lótus
Copyright © 2004-2020, Fundação Maitreya ® Todos os direitos reservados.
Consulte os Termos de Utilização do Spiritus Site ®