Homepage
Spiritus Site
Início A Fundação Contactos Mapa do Site
Introdução
Sagrados
Sugestões de Leitura
Especiais
Agenda
Notícias
Loja
Directório
Pesquisa
Marco Histórico §
Guia de Sânscrito
NEW: English Texts
Religião e Filosofia
Saúde
Literatura Espiritual
Meditação
Arte
Vários temas
Mosteiro Budista
A finalidade de “Sugestões de Leitura” é colocar em destaque obras, cujo valor espiritual merecem um olhar atento, mais profundo, em consonância com a temática da secção em que se insere.

pág. 1 de 1
O Evangelho de Judas

de Elaine Pagels

em 21 Ago 2006

  Durante mil e seiscentos anos, a sua mensagem esteve escondida. Quando as folhas de papiro encadernadas deste evangelho perdido chegaram às mãos de estudiosos que podiam decifrar o seu significado, estes ficaram estupefactos. Ali estava um Evangelho que não fora visto desde os primeiros dias do cristianismo e que poucos peritos haviam pensado que existisse – um Evangelho narrado segundo a perspectiva de Judas Iscariotes, o supremo traidor da história. E, em vez de vilão, o Judas que emerge das suas páginas é um herói.

«O relato secreto da revelação que Jesus proferiu em conversas com Judas Iscariotes…»

Jesus diz a Judas:
«Ergue os teus olhos e contempla a nuvem e a luz dentro dela e as estrelas (§) que a rodeiam. A estrela que mostra o caminho é a tua estrela».

Nesta interpretação radical, Jesus pede a Judas que o atraiçoe. Em contraste com os Evangelhos do Novo Testamento, Judas Iscariote é apresentado como um modelo para todos os discípulos de Jesus, o único apóstolo que verdadeiramente o compreende.
Esta é a primeira publicação deste Evangelho notável desde que foi condenado como heresia pelos primeiros líderes da Igreja, nomeadamente Santo Ireneu, em 180. Escondido numa caverna de Al-Minya, o códex que continha o Evangelho foi descoberto por agricultores, na década de 1970. Nos anos subsequentes, foi comprado e vendido por antiquários, escondido e transportado através de três continentes, enquanto sofria danos que o reduziram em grande parte a fragmentos. Em 2001 encontrou por fim o caminho para as mãos de uma equipa de peritos que o reuniu e reconstruiu. O Evangelho de Judas foi traduzido do copta original em prosa clara e é acompanhado por um comentário sobre a história fascinante da Igreja primitiva, proporcionando uma forma totalmente nova de compreender a mensagem de Jesus».

A National Geographic Society submeteu o manuscrito à mais rigorosa investigação possível para se certificar da sua idade e autenticidade. O processo incluiu a datação de amostra do texto por carbono radioactivo e a consulta dos mais importantes estudiosos que pudessem interpretar o significado do Evangelho e confirmar de forma inequívoca a sua proveniência e o seu significado histórico e religioso.

Os investigadores:
Rodolphe Kasser é professor emérito da Faculdade de Letras da Universidade de Genebra, na Suiça, e um dos principais especialistas mundiais em copta. Organizou a restauração e preparou a editio princeps do Códex Tchacos, que contém o Evangelho de Judas e outros três textos gnósticos em copta.

Marvin Meyer, professor titular da cátedra Griset de estudos Bíblicos e Cristãos da Universidade de Chapman e director do Instituto Albert Schweitzer da mesma Universidade, é um dos maiores estudiosos do gnosticismo, da Biblioteca de Nag Hammadi e dos textos sobre Jesus que não estão incluídos no Novo Testamento.

Gregor Wurst é professor de História Eclesiástica e Patrística na Universidade de Augsburgo, na Alemanha.

Comentários adicionais de Bart D. Ehrman, professor titular da cátedra James A. Gray e presidente do Departamento de Estudos Religiosos da Universidade da Carolina do Norte, em Chapel Hill, e perito em cristianismo primitivo.

Temas e Debates
National Geographic

Cortesia da Fnac - Loja Cascaishopping
   


topo
questões ao autor sugerir imprimir pesquisa
 
 
Flor de Lótus
Copyright © 2004-2017, Fundação Maitreya ® Todos os direitos reservados.
Consulte os Termos de Utilização do Spiritus Site ®